Alunos “semeadores” de um mundo melhor

Alunos “semeadores” de um mundo melhor

Colégio Rainha Santa Missa marcou abertura solene do ano lectivo com mensagens de boas-vindas e de esperança

 – Patrícia Isabel Silva – 

O início do ano lectivo é sinónimo de reencontros para muitos e começo de um per- curso cheio de novidades para quem chega pela primeira vez. É assim um pouco por todas as escolas e no Colégio Rainha Santa Isabel não é exceção.

Os mais pequeninos (pré-escolar) já iniciaram as atividades, mas é na segunda-feira que os alunos dos restantes ciclos de ensino – desde o 1.º ciclo ao secundário – começam mais um ano escolar. Entretanto, ontem, muitos deles, acompanhados por pais e encarregados de educação, fizeram questão de marcar presença na missa solene de abertura do ano lectivo de 2017/2018, conduzida pelo padre jesuíta Nuno Branco, no pavilhão polivalente.

FERREIRA SANTOS

E entre as mensagens de esperança do sacerdote e as de boas-vindas e votos de sucesso da Irmã Maria da Glória, diretora do colégio, ontem, boa parte dos aplausos dirigiram-se também à madre superiora Maria Esperança Sousa, que assinalou 50 anos de vida religiosa na congregação das Irmãs de S. José de Cluny. «Estamos aqui para criar laços. Que cada um seja semeador de esperança», desejou, após a cerimónia religiosa, altura em que a comunidade escolar ficou a conhecer todos os elementos que fazem o colégio, desde educadoras, professores titulares ou diretores de turma até aos funcionários da secretaria e auxiliares.

O Colégio Rainha Santa é um dos estabelecimentos de ensino que vai integrar o projeto-piloto do Ministério de Educação de testar uma reforma curricular que aposta na flexibilização curricular e nas áreas de cidadania e desenvolvimento sustentável.

Ora, no Rainha Santa, estes são valores que já são desenvolvidos. «Basicamente, já fazíamos muito trabalho de interdisciplinaridade. O que acontece agora é uma formalização», referiu ao Diário de Coimbra a professora Júlia Cristina, acrescentando que, conforme consta da diretiva do Governo, o programa é testado em inícios de ciclo. No entanto, essa metodologia que já existia é colocada em prática, «informalmente» nas restantes turmas.

Com cerca de 800 alunos, o Colégio Rainha Santa inicia um novo ano com um novo tema cultural: “Sê semeador de vida e de beleza!”, que conforme destacou a Irmã Maria da Glória, entre várias mensagens, sensibiliza os mais novos para a necessidade de preservar a Terra.

Após a sessão solene de ontem, que contou com a colaboração de alunas da Escola de Dança do colégio, segunda-feira é dia de todos regressarem ao colégio. A manhã é dedicada ao acolhimento e apresentação para os alunos do 3.º ciclo e secundário e, a partir das 14h30, é a vez das turmas de 1.º e 2.º ciclos.

Notícia DC 9 SET 2017